• SECOM

Covid-19: com quantos dias o paciente deve realizar cada tipo de exame

O tempo de isolamento de uma pessoa suspeita de estar infectada pelo novo coronavírus é importante não só para resguardar as outras pessoas, mas, também, para a detecção do vírus ao ser realizado o teste rápido ou o RT-PCR. No organismo, o SARS-CoV-2 leva cerca de 5 ou mais dias para a manifestação dos sintomas.

O teste conhecido como RT-PCR, que identifica o RNA viral, deve ser realizado a partir do terceiro dia de apresentação dos sintomas, pois feita a coleta antes desse período, pode resultar em um falso-negativo.

No caso dos testes rápidos, disponibilizados pelo Ministério da Saúde (MS), devem ser realizados depois do sétimo dia de apresentação dos sintomas, mas o melhor é que seja feito a partir do 10º dia, pois ele detecta os anticorpos produzidos pelo corpo para combater o SARS-CoV-2. Se realizado antes desse período, o teste rápido também pode resultar em falso-negativo. 

A assessora da Centro Operacional de Emergência (COE) para Covid-19, Emanuelly Nóbrega, explica que a utilização do teste rápido deve ser realizada em pessoas que estão apresentando os sintomas da Covid-19 e, para que não ocorra um falso-negativo, deve ser feito a partir do oitavo dia de apresentação desses sintomas. 

“A recomendação é não procurar o sistema de saúde para fazer o teste rápido com uma quantidade de dias sentindo os sintomas inferior a oito, pois pode estar resultando em um falso-negativo, até então o indivíduo deve permanecer em isolamento domiciliar, caso não esteja precisando de cuidados médicos por agravamento dos sintomas”, explicou a assessora do COE, Emanuelly Nóbrega.

O MS disponibiliza, por remessas, testes rápidos aos estados. No Acre, os municípios também já receberam. Entretanto, a recomendação do próprio MS é que sejam prioritariamente disponibilizados para profissionais da Saúde, Segurança e idosos que vivem em lares de longa permanência, que estejam sentindo os sintomas da Covid-19.

Dessa maneira, a infectologista que está no apoio ao COE, Rossana Macedo, explica um pouco mais sobre quando deve ser realizado o teste. Confira:

Quando realizar o RT-PCR?

O RT-PCR deve ser recolhido na primeira semana da doença, em pacientes que apresentam os sintomas como febre e outros sintomas respiratórios, no caso tosse, dificuldade para respirar, produção de escarro e dificuldade para deglutir. 

Quando realizar o teste rápido?

O teste rápido só adianta coletar a partir do oitavo dia, idealmente a partir do décimo dia. Por que? Porque antes disso tem uma grande chance de dar um falso-negativo. 

O falso-negativo exclui a possibilidade de estar infectado?

O falso-negativo não exclui doença, principalmente se ele for apresentado antes do oitavo ou décimo dia de sintomas.

Quem pode fazer o teste?

Tanto o teste rápido, quanto o exame que faz a raspagem da mucosa, devem ser realizados em pacientes que apresentam todos os sintomas, considerando a quantidade de exames que é ofertada atualmente. 

Quais os sintomas?

A pessoa infectada, comumente sente dor de garganta, febre, tosse, não sente cheiros, tem coriza e não sente o sabor do alimento. Nesse caso é aconselhado que o paciente fique em isolamento domiciliar. 

Quando procurar uma unidade de saúde?

O paciente deve procurar uma unidade de saúde quando apresentar sintomas graves como desconforto respiratório, dispneia que é a falta de ar e também quando sentir o agravamento dos demais sintomas.

5 visualizações

Município de Plácido de Castro

Horário de Atendimento

Av. Epitacio Pessoa, 146 - Centro - Fone: (068) 3237-1066

Placido de Castro - Acre, CEP: 69.928-00

CNPJ: 04.076.733/0001-60

Segunda-Feira a Sexta-Feira

08:00h as 12:00h / 14:00h as 17:00h

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • Google+ Social Icon