top of page
  • Foto do escritorASCOM

Equipes da Secretaria de Obras e SEMSUR realizam desobstrução de pontos alagados de Plácido.

Desde a noite da última terça-feira, 20, a cidade de Plácido de Castro, enfrentou um dos maiores volumes de chuva registrados neste ano, causando alagamentos, entupimentos de bueiros e consequentemente, transtornos para alguns moradores moradores que moram próximo a córregos, ao canal e até mesmo a rios. Em pouco mais de 48 horas, foram registrados altos volumes de chuvas na região, dentro do esperado para o mês de fevereiro.

Diante da situação, a Prefeitura Municipal mobilizou equipes da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos (Semsur) para realizar um trabalho paliativo de desobstrução de bueiros, canais e valas, visando facilitar o escoamento da água e evitar maiores danos. O trabalho foi realizado com dificuldade, devido ao excesso de chuva que caiu durante toda a manhã desta quinta-feira, 22.

Equipados com máquinas pesadas, eles trabalharam incansavelmente para desobstruir os pontos de alagamento. O objetivo era permitir que a água escoasse, minimizando os danos e permitindo que os moradores retornassem às suas casas.

A prefeitura também está monitorando as regiões afetadas pelas chuvas torrenciais.

Durante o trabalho, foram priorizados os pontos mais críticos, onde a água estava invadindo as casas e deixando as ruas intransitáveis. Com o avanço dos serviços de drenagem e expansão da rede de bueiros, realizados pela administração municipal, espera-se que nos próximos invernos, os moradores dessas regiões afetadas com alagamentos, principalmente nos bairros mais baixos, como Manchete, São Cristóvão e Magrão, a problemática anual, possam por fim, ser solucionada definitivamente.

De acordo com o ClimaTempo, a previsão do tempo para os próximos dias é de mais chuva em Plácido de Castro.


Comments


bottom of page